sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Seja um turista responsável

1 - Vá a pé: veículos são um dos grandes responsáveis pela emissão de gases estufa. Dependendo do tamanho do trajeto, pra que pegar usar o carro?
2 - Prefira hotéis verdes: procure hospedar-se em locais que se preocupam com práticas como coleta seletiva de lixo e uso racional da água e da energia.
3 - Faça malas leves: você vai precisar mesmo de tudo o que está colocando na mala? Quanto mais pesada ela for, mais combustível será consumido pelo meio de transporte e, logo, mais gases estufa serão lançados na atmosfera.
4 - Recolha seu lixo: até mesmo as cascas das frutas que você leva de casa devem ser jogadas no lixo e não abandonadas na mata. Elas podem conter microorganismos que vão afetar a harmonia do ecossitema visitado.
5 - Cuidado com o que come: informe-se sobre o que está comendo. Diga não a alimentos que utilizam agrotóxicos e pesticidas nocivos ao meio ambiente, ou que são produzidos com mão-de-obra subempregada.
6 - Compre artesanato local: assim você contribuirá para o desenvolvimento da região. Por isso, ao comprar aquelas lembranças para os amigos e parentes, certifique-se de que elas foram produzidas ali mesmo e não na China.
7 - Neutralize sua viagem: apesar da discussão sobre sua eficácia, o plantio de árvores para neutralizar a emissão de carbono pode ajudar. Vários sites, como o da Fundação SOS Mata Atlântica, ajudam a calcular o quanto liberamos de gás carbônico. Mas lembre-se do mandamento nº 1: sempre que possível, opte por não emitir gases estufa.
8 - Conjugue o verbo reutilizar: roupas de tecidos como Tactel ou Dry Fit secam muito rápido e podem ser lavadas com pouca água na pia do quarto do hotel. Prefira pilhas recarregáveis. Sua toalha precisa mesmo ser trocada a cada banho?
9 - Respeite os hábitos e a legislação locais: faça de tudo para agir de acordo com os costumes e as leis do local que está visitando. Não contrate guias subempregados, respeite as leis de trânsito e não entre em locais e áreas não permitidos.
10 – Valorize a cultura local: ao viajar, entramos em contato direto com manifestações culturais diferentes. Observe, admire, participe. Mas nunca caçoe.


www.prodesp.sp.gov.br

Nenhum comentário: