quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Gramado/RS – A mágia e o encanto moram aqui!

Texto: Rodrigo Konorati

Gramado é um pedacinho da Europa em pleno solo tropical. Desde a estrada, você já sente que esta chegando num mundo diferente de todo resto do Brasil. O caminho contornado por lindas hortencias já dá noção do que está por vir. Belos Jardins inpecavés, casas em estilo alpino, como nós só conhecemos em contos de fadas, gastronomia farta e sofisticada, centros de compas diversificados para todos os gostos e estilos e atrações para divertir a familia toda. Seja no inverno ou no verão, a cidade tem sempre um aspecto novo para te mostrar, uma bela paisagem diferente ou um agradavel evento acontecendo.

Os encantos de Gramado duram o ano todo, mas não há como negar que o frio é uma deliciosa atração. Com possibilidade de geadas e até mesmo neve, este "pedacinho da Suíça" recebe visitantes de todo o Brasil que procuram o clima aconchegante, a hospitalidade dos hoteis e pousadas que sempre tem uma lareira acessa e o cheirinho de chocolate...

Já no verão, com o calor de dezembro e janeiro, a cidade ganha clima de contos de fadas, com uma festa que deixa até mesmo as pessoas mais duras amolecidas com a mágia do "Natal Luz, durante este periodo do calendario, o lugar fica lindo cheio de enfeites, guirlandas, luzes coloridas uma decoração especial para receber o Papai Noel. Crianças e adultos embarcam na mágia dos desfiles tipicos, espetaculos pirotécnicos e apresentação de corais.
A natureza foi generosa com a serra gaúcha, mas Gramado se destaca. O parque do Lago Negro, inspirados na floresta Negra, na Alemanha, é cercados por flores que dão um colorido aos olhos e agradam o coração, arvores de um tom de verde que somente você vendo pessoalmente e se dislumbrar com o espetaculo da naturaza e tem ainda pedalinhos para passear em um belo dia de sol e céu azul com nuvens de algodão. Já o Lago Joaquina Rita Bier, há uma paisagem para relaxar a alma, com enormes araucarias, hortencias e belas casas.
Embora conhecida por ser de imigração alemã e italiana, os primeiros a chegarem aqui neste local encantador foram os portugueses. Segundo uma das muitas historias, a cidade servia de passagem para os cançados tropeiros que tocavam o gado pelos campos de cima da serra ao chegarem no topo da serra encontavam um “oasis” um pequeno campo de grama macia e verde que servia de repouso e assim revigorava suas forças. Este gramado, segundo alguns, foi responsavel pelo batismo da cidade. Outra versão diz que quando se ia para Serra Grande, o ponto de referencia para não se perder era um carrapicho, perto do qual corria um riacho com grama densa em volta. Daí o nome da encantadora e mágica ciadade de Gramado.

Nenhum comentário: